Ruby on Rails: por que eu deveria conhecer esse framework?

Por que aprender Ruby on Rails? Esta é uma pergunta que me fazem muito ao promover frameworks, e sim, é uma boa. Principalmente porque é uma oportunidade de mostrar detalhes que passam despercebidos quando falamos de Ruby on Rails.

O que é Ruby on Rails?

Ruby on Rails é um framework de desenvolvimento de aplicações web usando a linguagem de programação Ruby.

Consiste em um conjunto de bibliotecas que facilitam o desenvolvimento. Ele fornece uma estrutura básica, mas completa. É um dos frameworks que conquistou os corações de milhares de desenvolvedores ao redor do mundo.

Por que eu deveria conhecer?

É uma linguagem de programação parecida com o inglês, então a semântica é de fácil compreensão;
Possui escalabilidade;
É estável;
Possui opções de automação de testes;
Tem várias ferramentas ricas que diminuem o tempo do desenvolvimento como os componentes reusáveis;

A comunidade é muito forte no Brasil, todos estão em constante evolução e se ajudam bastante.

Ruby on Rails e MVC

Como a maioria dos frameworks atuais, Ruby on Rails usa o framework MVC (Model-View-Controller). Para demonstrar melhor, desenhei a seguinte imagem:

O Controlador é responsável por interagir com o Modelo, enviar solicitações e controlar o aplicativo para receber e enviar dados.

Simplificando, o modelo é a parte onde o banco de dados vive. A View é a página que o usuário vê e o local onde há interação.

Essa estrutura permite que os desenvolvedores desenvolvam e organizem melhor os projetos, utilizando 100% dos recursos fornecidos pelo framework.

Instalação do Ruby on Rails
Instalação no Windows
A instalação é bem simples!

Para instalar no Windows, você precisa acessar a página do Ruby e seguir os passos recomendados pelo site.

Para verificar se o processo de instalação foi bem-sucedido, digite cmd:

versão rubi

Preparar! Se a mensagem de Ruby sair, comemore! Funcionou!

Instalar no Mac OS

Antes de instalar este framework, você deve ter em sua máquina:

XCode. Ele é um compilador de código Ruby e está disponível na App Store;
Homebrew. É um pacote escrito em Ruby que ajuda a instalar algumas dependências Ruby on Rails. Para instalar, digite o seguinte código no terminal:

Ruby Version Manager (RVM): Ajuda a gerenciar versões ruby. Para instalar, entre no terminal:
https://get.rvm.io

Agora que o Ruby on Rails está pré-instalado em seu computador, digite o seguinte comando e verifique a versão para ter certeza de que não há erros.

Pronto, está instalado! Foi fácil, né?

Instalação no Linux
A instalação no Linux também é bem fácil!

Siga os seguintes comandos para instalar o Ruby on Rails em qualquer sistema Linux:

Antes de começar, atualize seu SO:

Precisamos também instalar os itens abaixo:

Curl: biblioteca que suporta questões envolvendo URL

Linguagem R

Agora vamos digitar os seguintes comandos no terminal:

OK, isso é fácil, certo? Se você tiver alguma dúvida, por favor deixe nos comentários!

Comece sua primeira aplicação agora!

O primeiro aplicativo a usar Ruby on Rails

Como primeira aplicação, vamos criar um CRUD (Create-Read-Update-Delete). Caso tenha interesse, existe outro artigo ensinando como criar CRUD com Node JS.

Neste CRUD vamos desenvolver um sistema com um aplicativo básico para cadastrar, alterar e deletar informações.

Primeiro, temos que criar nosso projeto digitando no terminal:

Dentro da pasta do projeto, iremos fazer o nosso CRUD com o seguinte comando:

Após isso, iremos migrar as tabelas:

Pronto, com isso, basta subir o servidor:

Depois disso, só acessar o seguinte endereço:

http://localhost:3000/cadastros

Você será levado para uma página de registro. Basta clicar em Novo Cadastro e preencher os campos.

Agora é só praticar e praticar!

Esse quadro vale a pena?

Dependendo do projeto que você tem, esse framework vale a pena! Você viu como vimos a utilidade de programar com o framework, e fizemos CRUD em minutos usando apenas o terminal!

Os desenvolvedores R têm uma carreira muito promissora porque é uma linguagem e framework muito intuitivos, o que faz com que os programadores se sintam mais confortáveis ​​de usar.

Se você estiver animado, recomendo mergulhar mais fundo na linguagem R e no framework R on Rails, prometo que não vai se arrepender.